11/06/2019

Luciana defende concurso para contratação de professores no Paraná

Foto: Dálie Felberg/ALEP

A deputada estadual Luciana Rafagnin (PT) subiu à tribuna da Assembleia Legislativa do Paraná (Alep) nesta terça-feira (11) para reivindicar ao governo do estado a realização de concurso público para a  contratação de professores e trabalhadores da educação. "Que o secretário Renato Feder reflita sobre o modelo equivocado em vigor hoje e faça  concurso para contratação de professores no Estado do Paraná", disse Luciana.  A deputada ressaltou em seu pronunciamento as irregularidades em torno da avaliação “Prova Paraná”, aplicadas hoje em mais de duas mil escolas da rede pública estadual, as críticas e denúncias dos profissionais e a intenção do governo de instituir uma prova também para contratação de professores temporários do Processo Seletivo Simplificado (PSS). “Em vez de prova, que se faça, então, concurso público. Por que não fazer concurso?”, questionou.

Luciana chama a atenção para redução gradativa no número de profissionais nas escolas do Paraná a cada ano. Segundo a parlamentar, há mais de 13 anos que não são realizados concursos para contratação de funcionários às escolas e ela lembra ainda que o último concurso para contratação de professores foi em 2013. “Outro agravante é que entre 2016 e 2019 quase 8.000 professores e 1.500 funcionários pediram aposentadoria”, disse.  A necessidade de formação continuada e a falta de reposição salarial há mais de três anos foram apontadas pela deputada como situações que desmotivam e que também prejudicam os educadores e trabalhadores da educação do Paraná.

 

Autor: Thea Tavares | Assessora de Imprensa deputada Luciana Rafagnin


Portal Liderança do Partido dos Trabalhadores da Assembleia Legislativa do Paraná
Praça Nossa Senhora Salete s/n, Curitiba - PR - CEP: 80530-911
Telefone: (41) 3350-4157 / 3350-4396